sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Sonho? Onde?

A Broadway nunca contará a minha historinha, talvez por que eu não passe de uma garotinha que sonha em ser alguém na vida, que quer cantar e dançar, mas não conforme a música.

"É um castelinho de pedras, recheado de sonhos, em que a princesa quase morta de fome debruça-se sobre a janela, à espera do príncipe encantado... Mas cadê o príncipe? Ele também pouco se importa em vir salvar a princesa, ele tem um jogo de boliche ou de pôquer com os amigos e não pode desmacar... Então, a princesa fica lá no castelinho, até definhar completamente."

Que história triste! Ela não terminou com um final feliz. Não é assim que as histórias terminam. Minha confabulação está completamente desorientada, talvez eu esteja muito mal-informada, ou talvez a minha lógica não tem nada a ver com as convicções dos outros!

Nada interessante, nada a declarar. E eu não quero ser a princesa que aguarda o príncipe. Querem saber mais? Se eu fosse essa princesa eu seria mais inteligente e daria um jeito de sair daquela torre ridícula...

Um comentário:

Maria Helena disse...

Me vi no castelo!!
Descendo da torre com lençóis amarrados e jogando pôquer com cigarros com o príncipe.
Apostaríamos a vida do infeliz ¬¬